domingo, 31 de agosto de 2014

Lar residencial para deficientes pode não ter acordos para equipamentos

Na passagem por Bragança, o secretário de Estado da Solidariedade e da Segurança Social não deixou garantias de que vai haver acordos de financiamento para os equipamentos na área da deficiência que foram construídos em Bragança, Mirandela e Macedo de Cavaleiros.

Questionado sobre este assunto, Agostinho Branquinho disse que as instituições avançaram com estas construções sem garantias de financiamento para o seu funcionamento e que agora o País não tem dinheiro para satisfazer todos na área social.

O governante mostra-se disponível para resolver o problema quando houver dinheiro, ainda assim diz que as instituições podem abrir essas respostas sociais para pessoas que possam pagar.

Recorde-se que em causa está a abertura de lares residenciais para pessoas portadoras de deficiência em Bragança, Mirandela e Macedo de Cavaleiros. Os equipamentos estão prontos a funcionar, mas ainda não abriram por falta de acordos de financiamento com a Segurança Social.

Informação CIR

Bombeiros Voluntários de Torre de Moncorvo recebem Equipamento de Proteção Individual contra Fogos Florestais

O Município de Torre de Moncorvo entregou à Associação Humanitária dos Bombeiros Voluntários de Torre de Moncorvo 20 equipamentos de proteção individual de combate a fogos florestais.

Os fatos que conferem protecção ao corpo do utilizador são cem por cento portugueses, são certificados e os únicos que cumprem todas as normas legalmente exigidas.

O novo fardamento foi utilizado pela primeira vez pela equipa dos Bombeiros Voluntários de Torre de Moncorvo, no hastear das bandeiras aquando das Festas da Vila e do Concelho.

Esta entrega permite melhorar as condições de segurança dos bombeiros moncorvenses e dar uma resposta mais eficaz na proteção e combate a fogos florestais.

in:noticiasdonordeste.pt

Auditório do Museu do Ferro recebeu apresentação do livro “o Líder e a Liderança” de Luís Ricardo

Muitos foram os moncorvenses presentes, no passado dia 14 de Agosto no Museu do Ferro e da Região de Moncorvo, para assistir à apresentação do livro “O Líder e a Liderança” da autoria de Luís Ricardo.

A sessão teve início com as palavras do Sr. Presidente da Câmara Municipal de Torre de Moncorvo, Nuno Gonçalves, que deu as boas-vindas ao público presente e falou um pouco sobre esta obra destinada não só àqueles que estudam esta temática, mas também a todos que ocupam cargos e que são liderados.

De seguida o autor fez a apresentação do livro referindo que embora fosse baseado na sua tese de doutoramento, não é a sua tese pois foram-lhe retiradas partes mais específicas e inseridas outras de forma a tornar este livro mais acessível a toda gente.

O autor é natural de Torre de Moncorvo, licenciou-se em engenharia eletrotécnica no Instituto Superior de Engenharia, concluiu uma outra licenciatura em Administração Escolar e Administração Educacional na Escola Superior de Educação de Leiria, obteve uma pós-graduação em Administração Escolar e Planificação da Educação na Universidade Portucalense onde concluiu os seus estudos de mestrado na mesma especialidade.

Na Universidade Aberta obteve a certificação de Estudos Avançados em Liderança Educacional tendo concluído o doutoramento na mesma especialidade.

in:noticiasdonordeste.pt

Carrazeda de Ansiães quer turistas do Douro a atracarem no concelho

O presidente da Câmara de Carrazeda de Ansiães, José Luís Correia, reclamou  a construção de infraestruturas que permitam aos turistas que navegam no Douro atracar no concelho.

Carrazeda de Ansiães, no distrito de Bragança, é um concelho ribeirinho do Douro e fica no percurso dos turistas que sobem o rio do Porto a Barca D`Álva, mas queixa-se o autarca que o município tem-se limitado a ver passar os barcos e pouco tem beneficiado deste fluxo turístico ou da marca do Douro Património da Humanidade.

O autarca queixa-se de que "anda muita gente a associar o nome Douro ao Turismo, mas Carrazeda "ainda não conseguiu esse ganho" por falta de "infraestruturas que permitam às embarcações atracar e aos turistas usufruírem do património, cultura, paisagem" do concelho.

O que falta, segundo o presidente da Câmara, é construir o cais fluvial de Foz Tua e melhorar o da Senhora da Ribeira".

Lusa

Ensemble Economique (us) @ TBA em Bragança

Tal como muitos companheiros da sua geração, a prolífica carreira discográfica de Brian Pyle (cérebro criativo de Ensemble Economique e integrante dos excitantes Starving Weirdos), é um work in progress constante, em que cada lançamento constitui mais um fragmento nessa peça maior que é o conjunto de toda a sua discografia.

Com discos publicados em editoras chave para entender a sensibilidade underground da actualidade e com uma personalidade criativa em constante expansão, cada novo lançamento de Ensemble Economique é um motivo de celebração. 

Ao longo destes seis anos foi possível familiarizar-nos com o seu discurso expressivo, fascinante e variado, com que Brian Pyle se conseguiu consolidar entre os mais interessantes da sua geração. Em lançamentos para editoras como Not Not Fun, Digitalis ou Denovali encontramos ecos de John Carpenter, Brian Eno, o shoegaze mais atmosférico ou ainda o Neil Young de “Dead Man”, guiados em todo o momento por um espírito aventureiro e improvisado que se mantém como uma das suas constantes. 

Chega pela primeira vez a Portugal no melhor momento da sua carreira, como demonstra o seu mais recente lançamento na Denovali “Melt Into Nothing”, ou os magistrais “The Fever Logic” e “Light That Comes, Light That Goes”, publicados ao longo do ano passado. 

Quando: Terça-feira, 16 de Setembro 
Onde: Dedos Bionicos Rua 5 de Outubro 34 3º, 5300-112 Bragança

in:noticiasdonordeste.pt

Mulher e dois filhos detidos por tráfico de droga em Macedo de Cavaleiros

Canabis
Uma mulher de 58 anos e dois filhos, de 17 e 24, foram detidos esta noite, em Macedo de Cavaleiros, por suspeitas de tráfico de droga, revelou hoje a Guarda Nacional Republicana (GNR) de Bragança.

De acordo com o capitão Fábio Lamelas, as detenções deram-se na sequência de uma fiscalização de trânsito, pelas 00:45, ao jovem de 17 anos que, "ao ser fiscalizado, tomou uma atitude muito suspeita", pelo que o veículo foi revistado e consequentemente encontrados estupefacientes. 

Depois de aparecerem a mãe e o irmão do jovem, foram realizadas duas buscas domiciliárias em residências na cidade de Macedo de Cavaleiros e na freguesia de Murçós. 

As buscas vieram a revelar 28 gramas de marijuana, três de haxixe, três pés de plantas de cannabis, duas balanças de precisão, um telemóvel e perto de 200 euros em numerário, além de outros materiais, segundo comunicado da GNR. 

De acordo com Fábio Lamelas, os estupefacientes foram encontrados em várias divisões da residência, pelo que os três detidos "tinham que ter conhecimento" da situação. 

A GNR acrescentou que as três pessoas vão ser apresentadas no Tribunal Judicial de Macedo de Cavaleiros, na segunda-feira.

Lusa

A obra de requalificação da capela custou 100 mil euros pagos pelo fundo do Baixo Sabor e populares

Um investimento de 3,5 milhões de euros que vem dar resposta às necessidades da população do distrito

sexta-feira, 29 de agosto de 2014

Notícias da aldeia

O porco morreu… sem mais nem menos… dum dia para outro… tal qual como um cristão! Diziam os vizinhos.
- Coisa que comeu!... Se lhe temos dado uma injecção!
- Talvez fosse melhor deitá-lo para a rua a apanhar o ar do serro!
Morreu como um cristão… sem um gemido, sem olhar pela última vez para a loja onde vivia e engordava na fartura das abóboras e da erva fresca da Luada!
Vieram todos os vizinhos lamentar a desgraça e o prejuízo… e só não se rezou por decoro!
- Coisas do diabo… quem nos quererá fazer mal?!
Os abutres às centenas sobrevoaram a aldeia em voos silenciosos e altaneiros…voos magníficos mas que assombraram o povoado!
- As vizinhas mais velhas benzeram-se e encomendaram-se a São Sebastião!
O porco morreu e doí-me na alma a morte e mais a tristeza colectiva… solidária… comunitária dos meus vizinhos!
Os abutres ficarão por muito tempo a assombrar a aldeia, num voo silencioso e de mau prenúncio… rente às casas!
São Sebastião nos acuda!

Fernando Calado

Jovem apanhado a assaltar casa do padre em Mascarenhas

Um jovem de 21 anos foi, ontem, detido, pela GNR de Mirandela, em flagrante delito, no interior da residência do padre de Mascarenhas, no concelho de Mirandela.
Ao que conseguimos apurar, por volta das duas da tarde, o rapaz, residente em Lamas de Cavalo, freguesia de Alvites, foi visto por um habitante a entrar na casa do Padre da aldeia, através de uma janela que se encontrava aberta.
A população alertou a GNR a dar conta do caso e antes da chegada das autoridades avisou o sacerdote e vários habitantes, que se encontravam num café de Mascarenhas. O presidente da Junta de Freguesia de Mascarenhas, José Mário Mesquita, conta que também foi alertado pela população por volta das duas da tarde de ontem, tendo-lhe sido dito que o alegado assaltante estaria acompanhado por mais dois homens.
Dezenas de habitantes da aldeia cercaram a casa do Padre, para evitar que o indivíduo pudesse colocar-se em fuga e consumar o assalto, até à vinda da patrulha da GNR. 
Os ânimos ficaram exaltados pelo facto de se tratar de um indivíduo conhecido por estar envolvido em outros assaltos na zona. Alguns populares chegaram a mostrar intenção de fazer justiça pelas próprias mãos, mas a chegada da GNR acabou por proteger o jovem de 21 anos da fúria dos populares mais exaltados.
O rapaz foi detido no interior da residência do pároco local e terá confessado que pretendia roubar alguns objectos valiosos.
Foi levado para o quartel da GNR de Mirandela e deverá ser presente a Tribunal.

Escrito por Terra Quente (CIR)

Bragança // Novo regulamento prevê que as feiras se realizem todas as sextas

A Câmara de Bragança está a criar um novo regulamento municipal para as feiras que prevê a alteração da data. A proposta já foi discutida e aprovada em reunião de Câmara, faltando, agora, a sua aprovação pela Assembleia Municipal, cuja próxima reunião decorre já em setembro.
De acordo com o novo regulamento, as feiras deixam de se realizar nos dias 3, 12 e 21 de cada mês, passando a decorrer todas as sextas-feiras, ou seja, pelo menos mais uma vez por mês, duas nos casos dos meses com cinco semanas.

Idoso morre atropelado em Mogadouro

Um homem de 84 anos foi atropelado mortalmente esta quinta-feira junto ao cruzamento de Brunhoso, no concelho de Mogadouro.
O idoso deslocava o gado junto à berma da estrada, e tudo aconteceu por volta das 21horas.
A vítima foi transportada pela Ambulância de Suporte Imediato de Vida do INEM (Instituto Nacional de Emergência Médica) para a Urgência Básica de Mogadouro onde viria a ser confirmado o óbito.
No local estiveram os bombeiros voluntários de Mogadouro com uma ambulância e três homens.
A GNR local tomou conta da ocorrência.

Informação ONDA LIVRE

quinta-feira, 28 de agosto de 2014

Passeio de avião junta portugueses e espanhóis nos céus da Península Ibérica

Perto de uma centena de portugueses e espanhóis vão passear durante quase uma semana pelos céus da Península Ibérica num 'raid' de aviões que há onze anos une os dois países a partir de Bragança e Leon.

Os aeroclubes das duas cidades são os promotores da iniciativa que arranca, no domingo, em Bragança e vai voar até Castelo Branco, Montemor-o-Novo e Portimão, em Portugal, e Córdoba, Casarrubios e Leon, em Espanha. 

Os motores dos aviões ligeiros e ultraligeiros desligam-se no dia 04 de setembro, data em que termina mais uma edição deste Raid Ibérico que conta com a participação da Força Área Portuguesa através da presença da aeronave C295M da Esquadra 502, segundo divulgou hoje a organização. 

O Aeroclube de Bragança garante, em comunicado, que “este é o principal evento aeronáutico organizado entre dois aeroclubes de países diferentes”. 

“A iniciativa visa fundamentalmente o aprofundamento das relações ibéricas, estreitando laços de amizade que possam ser fator de cooperação transfronteiriça em várias áreas diversificadas como a economia, indústria e turismo, dando a conhecer o que de melhor existe nos dois países em termos de paisagem e de recursos naturais”, acrescenta. 

No evento deste ano será homenageado, a título póstumo, um dos fundadores deste encontro, Enrique Tranche, com a atribuição do seu nome à iniciativa que passará a denominar-se “Raid Noroeste Ibérico - Enrique Tranche”. 

Antes de deslocarem para a volta aérea, os aviões vão concentrar-se, no domingo, no aeródromo municipal de Bragança e será oferecida à população local a oportunidade de observarem as aeronaves e outras atividades como acrobacia aérea e demonstração de planadores de voos. 

De acordo com a organização, também o bispo da Diocese de Bragança-Miranda, José Cordeiro, participará no evento ao presidir à celebração de uma eucaristia, na manhã de domingo. 

A organização do Raid Ibérico anunciou que vai ainda oferecer o almoço deste dia a todos aqueles que se deslocarem ao aeródromo municipal.

Lusa

Está convidado a estar presente na abertura da exposição de trabalhos da X Bienal de Pintura, no dia 4 de setembro, no Centro Cultural Municipal Adriano Moreira, pelas 18:00 horas,


Convite| Inauguração de exposição no Museu do Abade de Baçal dia 6 de Setembro, às 18h! Contamos com a sua presença


Museu da Terra de Miranda reabre com descontos para os turistas dos cruzeiros no Douro

O Museu da Terra de Miranda que reabriu portas este mês após ter sofrido obras, espera atrair visitantes que se desloquem a Miranda do Douro através de cruzeiros no rio Douro.
Para isso foi estabelecido um protocolo entre a Direcção Regional de Cultura do Norte e a Estação Biológica Internacional que permite aos turistas que navegam no Douro obter descontos para ir ao museu. 
A directora do Museu da Terra de Miranda, Celina Pinto, acredita que o protocolo vai permitir canalizar os clientes do cruzeiro do navio-aula da EBI-Douro para a instituição. “A Europarques traz a Miranda mais de 16 mil visitantes ano e é de todo o interesse por parte do museu que esta instituição canalize os visitantes para o museu”. 
O museu esteve encerrado para obras durante quatro meses, tendo reaberto portas no início deste mês. O edifício onde está instalado remonta ao século XVII e não sofria obras desde 1982. 
A primeira fase da requalificação serviu para resolver as situações mais urgentes e representaram um investimento de cerca de 200 mil euros, comparticipados por fundos comunitários. 
A Direcção regional de Cultura do Norte tem novos projectos candidatados a fundos comunitários para restruturar totalmente o museu, que ascendem a 1 milhão e 200 mil euros. Já em Julho, no Dia da Cidade de Miranda do Douro, tinha sido aberta ao público a Sala da Música que foi também remodelada com o apoio da Câmara Municipal e foram nessa altura assinados protocolos com vários mecenas locais que vão apoiar a remodelação de outras salas. 
Actualmente o Museu da Terra de Miranda tem cerca 15 mil visitantes por ano. 

Escrito por Brigantia

Museu Militar de Bragança é o mais visitado do país

O museu militar de Bragança tem vindo a receber cada vez mais visitantes. Este ano já passaram por este monumento cerca de 40 mil pessoas, o que significa um aumento de 15 mil visitantes, em relação ao ano passado.
O director do museu, Major Paulo Rodrigues revela que só neste mês 20 mil pessoas quiseram conhecer o museu que comemorou ontem 31 anos. “Temos observado um aumento constante ao museu militar de Bragança. Até ao final do ano esperamos ultrapassar os 50 mil visitantes”, revela. 
Números que fazem desta instituição o museu militar mais visitado do país. O director admite que para isso muito contribui a localização na torre de menagem do castelo. Cerca 65% dos visitantes são estrangeiros. No dia de aniversário em que a entrada foi gratuita dezenas de pessoas aproveitaram para conhecer o museu. 
No dia do 31º aniversário o museu promoveu um conjunto de actividades lúdicas para os mais novos. 
Cerca de uma centena de crianças de Ateliers de Tempos Livres da cidade e todas as outras que visitaram o museu foram preparadas actividades como o tiro ao arco e flecha, pinturas faciais, modelagem de balões e trabalhos manuais. 

Escrito por Brigantia

Freixo de Espada à Cinta arranja bairro social com ajuda dos próprios moradores

O dinheiro é pouco, mas a necessidade das obras é muita, pelo que há um “toca a reunir” de equipas camarárias e dos moradores de um bairro de Freixo de Espada à Cinta para colaborarem no arranjo das habitações.
Em causa, a reabilitação do chamado bairro da Misericórdia, construído há cerca de 15 anos e onde residem 50 agregados familiares, num total de 150 pessoas, que agora vai avançar.
"Este bairro social não teve obras de manutenção e nunca foi olhado como deve de ser. Chovia em muitas casas e muitas delas são propriedade do município. Por isso, vamos mudar todas a coberturas, resolver os problemas da infiltração de águas e vamos fornecer tinta para os residentes pintarem as casas, depois das obras", disse a presidente da Câmara de Freixo de Espada à Cinta, Maria do Céu Quintas.

in:mdb.pt

D. José Cordeiro deixa mensagem de esperança na festa de N. Sra. das Graças

O bispo da diocese de Bragança-Miranda, D. José Cordeiro, deixou uma mensagem de “esperança” e “alegria” na homilia da solenidade da padroeira da cidade de Bragança, N. Sra. das Graças, no passado dia 22.
D. José Cordeiro frisou que “às vezes, nesta sociedade em mudança de época, o peso dos encargos de todos os que temos sobre os ombros a plena responsabilidade familiar, pastoral, profissional, política e social, não nos deixa saborear as alegrias quotidianas. Mas elas existem. A Senhora do regaço aberto é testemunha de geração em geração de que os tempos são difíceis, mas cheios de Esperança”.
A cidade de Bragança foi colocada sob a proteção de Nossa Senhora das Graças a partir de 1856. Se a Bragança foi dado o nome de cidade do Céu, Cristo é a porta que nos abre o Céu e Maria e os Santos são concidadãos da alegria da nossa salvação. Miremos o Céu e continuemos a testemunhá-lo na peregrinação aqui na terra para a tornar melhor, com mais paz, beleza, justiça, autenticidade e fraternidade”, exortou D. José.
Imagem de S. Bento doada à catedral
Na missa da solenidade da padroeira da cidade, procedeu-se ainda à benção da imagem de S. Bento, padroeiro da diocese de Bragança-Miranda e doada por ocasião dos 50 anos da proclamação do santo como principal padroeiro da Europa.
Da autoria do mestre Mestre José Rodrigues, a peça em bronze foi executada pelo escultor Manuel Sousa Pereira e é inspirada na imagem que é venerada na igreja de Castro de Avelãs, às portas de Bragança.

in:mdb.pt

Bragança ganha maior unidade de cuidados continuados do Nordeste Transmontano

A Santa Casa da Misericórdia de Bragança inaugura, na sexta-feira, a maior Unidade de Cuidados Continuados (UCC) do Nordeste Transmontano, com 40 camas, que vai começar a receber utentes a partir de 08 de setembro.

Esta será nona unidade do género da região e a primeira a abrir na capital de distrito, onde até agora não existia resposta para quem continua a necessitar de cuidados depois da alta hospitalar.

"Os doentes estavam a ser colocados a centenas de quilómetros da família", observou à Lusa Eleutério Alves, provedor da Santa Casa da Misericórdia que passa a assegurar esta nova valência, com um investimento de 3,5 milhões de euros.

Os acordos de cooperação com o Estado, através dos quais a Segurança Social vai comparticipar parte das despesas dos utentes, serão assinados, na sexta-feira, com a presença do secretário de Estado da Solidariedade e Segurança Social, Agostinho Branquinho.

A unidade começará a funcionar e a receber os primeiros utentes no dia 08 de setembro, mas em moldes mais modestos do que o projeto inicial, ficando pelas 15 camas para cuidados intermédias (até 90 dias) e 25 camas para longa duração.

O equipamento tem mais 32 camas disponíveis que ficam de fora dos acordos de cooperação com o Estado.

O provedor adiantou à Lusa que esta capacidade garantirá que, em caso de necessidade, no futuro possam ser disponibilizadas evitando a construção de novos equipamentos.

Enquanto não houver acordos com o Estado para estas camas, a Misericórdia de Bragança está a estudar a possibilidade "de disponibilizar alguns espaços para resposta a necessidades pontuais dos cidadãos".

As condições de financiamento e o menor número de câmaras obrigaram também, segundo o provedor, a reajustar o número de postos de trabalho que inicialmente apontava para 60 e ficou na meia centena.

Eleutério Alves sublinhou, contudo, "a importância" do emprego criada na atual conjuntura e na economia local.

A Santa Casa da Misericórdia de Bragança é dos maiores empregadores da região, assegurando atualmente cerca de 300 postos de trabalho nas diferentes valências com mil utentes por dia.

A rede de cuidados continuados do distrito de Bragança já tinha sido reforçada com a abertura, em agosto, da unidade de Mirandela, que será oficialmente inaugurada, na sexta-feira, pelo secretário de Estado.

Esta unidade pertence à Misericórdia de Mirandela e disponibiliza dez camas destinadas a doentes que necessitem de cuidados de média duração e reabilitação e 20 camas para longa duração e manutenção.

O equipamento instalado no hospital privado "Terra Quente" esteve mais de um ano à espera dos acordos de cooperação com o Estado, que contemplaram também um número inferior à capacidade existente.

O Nordeste Transmontano dispõe ainda de unidades integradas na rede nacional de cuidados continuados em Vimioso, Torre de Moncorvo, Freixo de Espada à Cinta, Mogadouro, Vila Flor, Miranda do Douro e Macedo de Cavaleiros.

Entre os 12 concelhos do distrito de Bragança apenas os de Vinhais, Alfândega da Fé e Carrazeda de Ansiães não dispõem desta valência.

Os doentes são referenciados a nível hospitalar para qualquer unidade da rede nacional, conforme as vagas existentes.

HFI // JGJ
Lusa/fim

“Temos um dos melhores corpos de bombeiros do país”

A corporação de bombeiros de Macedo de Cavaleiros é uma das melhores do país.

A convicção é do atual comandante.

Rómulo Pinto, que agora lidera a corporação macedense, após a ida de João Venceslau para o Comando Distrital de Operações de Socorro de Bragança, promete manter a exigência e o profissionalismo no patamar mais alto.

“Neste momento encontro-me em regime de substituição.

De objectivos, quero manter o que o Comandante Joca fez, que foi muito e manter a operacionalidade deste corpo de bombeiros. Temos um dos melhores corpos de bombeiros, não só a nível distrital, mas a nível nacional”, frisa, Rómulo Pinto.

Rómulo Pinto tece largos elogios aos soldados da paz que integram a Associação Humanitária e sustenta que usufruem de uma localização estratégica na hora de acorrer os cidadãos, de forma abnegada e voluntariosa.

Situados no coração do Nordeste Transmontano, o comandante de Macedo de Cavaleiros frisa que os pedidos de ajuda chegam de toda a região.

“Em termos de recursos humanos e materiais estamos muito bem servidos.

Localizados no coração do distrito, apanhamos a IP2 e a IP4, temos algum fluxo e alguns pedidos de auxílio, mas coisas que temos solucionado”, sustenta.

A Associação Humanitária de Macedo de Cavaleiros, comandada agora por Rómulo Pinto conta com 102 bombeiros ao serviço da comunidade.

Informação ONDA LIVRE

Transporte de doentes de Miranda do Douro vai continuar por estradas espanholas

O comandante dos bombeiros de Miranda do Douro afirma que até ordem em contrário, o transporte de doentes vai continuar a ser feito por estradas espanholas.

Ontem, durante o transporte de uma doente de Miranda do Douro para Bragança por Espanha, a ambulância dos bombeiros de Miranda esteve envolvida num acidente que provocou um morto.

Luís Martins recorda que há anos que o transporte é feito por estradas espanholas que têm melhores condições que as portuguesas.

E garante que os bombeiros vão continuar a atravessar a fronteira para transportar os doentes.

O acidente deu-se ao quilómetro 525   estrada nacional 102, em Espanha,  cerca das 14 e 30 de ontem, hora portuguesa.

A vítima mortal é um cidadão de nacionalidade espanhola, residente em Alcanices, com cerca de 50 anos.

Luís Martins explica que o acidente se deu quando a ambulância fazia uma ultrapassagem numa recta, tendo o condutor da carrinha que estava a ser ultrapassada virado à esquerda, colidindo com a ambulância.

Na carrinha seguia também o filho do condutor que não teve ferimentos.

Já os ocupantes da ambulância eram o condutor e uma doente que estava a ser transportada para o Hospital de Bragança que também não tiveram ferimentos.

Refer e câmara de Macedo ensaiam aproveitamento turístico da Linha do Tua

Setembro pode trazer novidades as estações e apeadeiros da Linha do Tua situadas no concelho de Macedo de Cavaleiros.

O vice-presidente do município, Carlos Barroso, anunciou que está para breve uma reunião com a Refer, para discutir formas de viabilizar uma possível exploração a Linha do Tua no concelho.

“O presidente da câmara do município de Macedo de Cavaleiros tem agendada uma reunião para 3 de setembro com o presidente da Refer para discutir alternativas para viabilizar o património da empresa no nosso concelho, que permitam a utilização e visitação do público.”

São sete paragens ao todo, entre Cortiços e Valdrez, que podem ganhar uma nova vida.

Carlos Barroso diz que está tudo em aberto, mas que pode ser criada uma parceria entre a Refer e a câmara de Macedo de Cavaleiros, para aproveitar turisticamente os cerca de 20 km de troço.

“Neste momento está tudo em aberto.

É uma reunião aberta, em que iremos ver a forma de reabilitação e exploração desse património, nomeadamente sobre o possível estabelecimento de uma possível parceria entre o município de Macedo de Cavaleiros e a Refer, visando a futura utilização desses espaços que existem no concelho.

Fala-se da utilização em termos turísticos. Parece-nos que apresentam um enorme potencial para essa atividade.

Estamos atentos e penso que será possível. É uma questão de estabelecermos o modelo de financiamento e de contrapartidas de uma parte e de outra.”

Os pontos de paragem da Linha do Tua no concelho de Macedo de Cavaleiros, desativos desde 15 de outubro de 1992, data conhecida como a “Noite do Roubo”, que ditou o encerramento do percurso Bragança-Mirandela, podem vir agora a ser restaurados para aproveitamento turístico.

Os moldes de uma possível parceira da câmara macedense com a Refer, para exploração turística, visando a visitação dos espaços do percurso Cortiços-Valdrez vão começar a ser desenhados dia 3 de setembro, numa reunião entre o presidente do concelho de Macedo de Cavaleiros e o presidente da Rede Ferroviária Nacional.

Escrito por ONDA LIVRE

quarta-feira, 27 de agosto de 2014

Centro Cultural de Mirandela vai sofrer obras no valor de cerca de um milhão de euros

A Câmara de Mirandela vai investir cerca de um milhão de euros nas obras de requalificação do Centro Cultural Municipal. 
A intervenção desta primeira fase, que deve estar pronta até ao final do ano, será essencialmente efetuada ao nível da envolvente exterior do edifício, envolve um investimento superior a 600 mil euros comparticipado em 85% pelo Programa Operacional Regional do Norte ON2.
O edifício, que integra a Biblioteca Municipal, inaugurada há 34 anos, estava a necessitar de uma intervenção de fundo que o executivo só agora teve condições económico-financeiras para iniciar. “As obras já estavam projectadas há algum tempo no entanto temos que estruturar as nossas intervenções em função das nossas possibilidades”, explica o autarca António Branco. 
A intervenção desta primeira fase, essencialmente em coberturas, fachadas, caixilharias e unidades exteriores de climatização, poderá levar à suspensão de algumas atividades culturais. A segunda fase da intervenção, ao nível do interior do edifício, deve acontecer no primeiro semestre de 2015. 

Escrito por Terra Quente (CIR)

Trabalhos de limpeza florestal na origem do incêndio de Mogadouro

Trabalhos de limpeza florestal estiveram na origem de um incêndio florestal que na terça-feira deflagrou junto à localidade de Paradela, no concelho de Mogadouro, informou esta quarta-feira a GNR em comunicado. 
Segundo o comunicado, foi apurado, logo após o incêndio, que o mesmo teve origem quando uma equipa de trabalhadores realizava operações de limpeza e gestão florestal junto a uma linha de água, tendo a ignição das chamas sido provocada pela utilização de uma moto-roçadora. 
O comunicado refere ainda que foi identificado um individuo de 29 anos, de nacionalidade estrangeira, ao qual foi aplicada a medida de coação mínima (Termo de Identidade e Residência) e aprendido algum do equipamento que estava a ser utilizado na altura da deflagração das chamas. 
A GNR avança que "é presunção de que o incêndio teve origem acidental, não dolosa". Segundo as autoridades o incêndio consumiu cerca de 40 hectares de mato e floresta. 
O comando Distrital de Bragança da GNR, durante o corrente ano já deteve dois indivíduos pelo crime de incêndio florestal e identificou 32 pela prática do mesmo crime.

Correio da Manhã

Carrazeda de Ansiães reforça promoção turística com loja interativa

O concelho transmontano de Carrazeda de Ansiães vai dispor de um novo meio de promoção turística com a inauguração, no sábado, de uma loja interativa com que ambiciona conquistar novos mercados e atrair visitantes.

Com o novo equipamento, o município ribeirinho do Douro, passa a integrar a rede de lojas do Turismo do Porto e Norte de Portugal e a promover-se de forma virtual no país e além-fronteiras.

Esta é ambição do autarca local, José Luís Correia que está convencido de que esta loja "é o primeiro passo para Carrazeda de Ansiães entrar em novos mercados", dando a conhecer tudo o que existe no concelho.

"Carrazeda é dos concelhos com melhor património e arqueologia, desde o neolítico até ao século XVIII e temos de saber tirar proveito disto tudo", realçou o autarca, em declarações à Lusa.

A Loja Interativa de Turismo será inaugurada, no sábado, pelo secretário de Estado do Desenvolvimento Regional, Castro Almeida, a quem o autarca pretende sensibilizar para a "necessidade de que haja uma estratégia regional, uma divulgação conjunta", a nível turístico.

Com o novo equipamento, o autarca espera "entrar numa nova fase de promoção" já que esta e as restantes lojas de turismo estão interligadas, o que permite a qualquer utilizador ou potencial turista aceder a toda a informação sobre o concelho e até adquirir bilhetes para eventuais espetáculos ou visitas.

Além do Douro, das paisagens e da gastronomia e produtos locais, Carrazeda de Ansiães destaca-se sobretudo no património e cultura.

O município lançou o projeto dos circuitos turísticos com visitas guiadas e transporte gratuitos para dar a conhecer símbolos como o castelo e os moinhos.

O concelho transmontano é ainda conhecido pelas emblemáticas formações rochosas e monumentos construídos a partir delas, como a Anta de Vilarinho de Castanheira que integra também os roteiros turístico.

HFI // MSP
Lusa/fim

Colisão entre ambulância de Miranda do Douro e veículo espanhol provoca um morto

Uma colisão entre uma ambulância dos bombeiros de Miranda do Douro e um veículo de matrícula espanhola provocou hoje um morto junto à localidade de Travassos (Espanha), disse à Lusa fonte dos bombeiros.

A vítima mortal é um cidadão de nacionalidade espanhola na casa dos 50 anos.

"A nossa ambulância [bombeiros de Miranda do Douro] procedia a uma ultrapassagem e quando se encontrava em paralelo com o veículo de matrícula espanhola, este virou à esquerda provocando o embate", explicou o comandante dos bombeiros de Miranda do Douro, Luís Martins que se encontra no local.

Segundo o responsável com a violência do embate a ambulância ficou destruída pelo que se coloca agora a hipótese de perda total do veículo.

O acidente ocorreu junto a Travassos (Espanha) na estrada que liga a localidade espanhola de Alcanices e a fronteira portuguesa de Quintanilha.

As equipas de socorro ainda se encontram no local.

A Guarda Civil espanhola tomou conta da ocorrência.

FYP // MSP
Lusa/fim

Detido por furto também cultivava cannabis no quintal

Foi detido esta manhã um homem de 23 anos, em Miranda do Douro, na sequência de uma busca domiciliária por suspeita de furto.

O suspeito já vinha a ser investigado desde maio, por subtrair objetos do interior de residências.

Foram recuperadas duas armadas de fogo, desaparecidas há cerca de 3 meses. Durante a rusga foram ainda encontradas cinco plantas de cannabis, com um peso aproximado de sete quilos, que o detido cultivava no quintal.

O homem foi constituído arguido, e ficou a prestar Termo de Identidade e Residência.

Escrito por ONDA LIVRE

A Exposição "O Brilho da Fé" (em parceria com o Museu do Abade de Baçal e a Diocese de Bragança-Miranda) esteve em destaque, hoje, no programa "Ecclesia", na RTP2. Para ver e ouvir.

FRAGAS DO NORDESTE TRANSMONTANO SÃO AS ROCHAS MAIS ANTIGAS DE PORTUGAL

...as rochas que moldam a paisagem do Nordeste Transmontano, e que constituem uma das atracções turísticas locais, são as mais antigas de Portugal e um testemunho das transformações geológicas do planeta Terra.
Onze investigadores do Instituto Nacional de Engenharia, Tecnologia e Inovação (INETI) e da Universidade do Minho (UM) estudaram, entre 2001 e 2005, a geologia no património natural das áreas protegidas do Douro Internacional e de Montesinho, no âmbito de um projecto, cujos resultados foram hoje apresentados publicamente.
Afinal a figura do "mar de pedra", utilizada pelo poeta transmontano Miguel Torga para descrever a imensidão de fragas que polvilha a região, guarda milhões de anos da história geológica do planeta Terra.
Segundo um dos autores do projecto, Carlos Meireles do INETI, existem rochas no parque Natural de Montesinho, perto da cidade de Bragança, que reflectem a antiguidade do planeta, "com idades de mil milhões de anos e que são as rochas mais antigas do país".
Testemunhos da evolução da Terra e do movimento tectónico são os assombrosos "muros" naturais que encaixam o rio Douro Internacional ou o chamado "Muro da Abalona", um maciço rochoso que sai das entranhas da terra, com quase 30 metros de altura e cinco de largura, em Freixo de Espada à Cinta.
Entre as curiosidades naturais encontram-se também os penedos que salpicam a paisagem em Carrazeda de Ansiães e que parecem desafiar a própria gravidade pela forma como se equilibram aparentemente sem sustentação proporcional ao tamanho e peso.
Estes são alguns dos locais documentados e apresentados numa exposição que abriu hoje ao público, no Centro Cultural de Bragança, e que serão integrados em publicações a divulgar junto da população e em particular da comunidade académica, sobretudo estudantes.
De acordo com Carlos Meireles, um dos fenómenos mais importantes da história da Terra, que esta região testemunha, é o choque tectónico que terá acontecido há 300 ou 350 milhões de anos e que transportou para aquele que é agora o Nordeste Transmontano material de outro continente.
Segundo explicou, o fenómeno ocorreu numa altura em que a Terra era muito diferente daquela que hoje conhecemos e em que ainda não tinha ocorrido sequer a abertura do Oceano Atlântico.
Montesinho é, segundo aquele investigador, "reflexo desta evolução histórica, assumindo-se como uma das zonas geologicamente mais complexas do país, pela sua diversidade, integrada numa área mais vasta que se estende até à Galiza", em Espanha.
Referiu ainda que estas características geológicas condicionam o próprio ecossistema e o ordenamento do território, nomeadamente ao nível da construção.
Segundo Graciete Dias, da Universidade do Minho, o propósito deste projecto "é divulgar estes valores naturais e ajudar a interpretar os fenómenos geológicos que proporcionam as paisagens tão apreciadas no Nordeste Transmontano, mas cuja origem é muitas vezes desconhecida".
O projecto serviu para documentar a evolução histórica, elaborar cartografia geológica e a inventariação dos recursos existentes, que já fizeram desta uma importante região mineira e que estão presentes no quotidiano da população, nomeadamente ao nível da habitação, já que muitas das casas rústicas são construídas com a pedra que a natureza oferece, como o granito ou o xisto.

in:sertransmontano.blogspot.pt

Distrito de Bragança representado no Miss República Portuguesa

O distrito de Bragança está representado na final do concurso Miss República Portuguesa, antigo Miss Portugal. Rita Fraga é natural de Mirandela, tem 18 anos e após quatro meses de castings e provas foi seleccionada para o grupo de 18 finalistas.
O estágio que antecede a coroação da Miss Repúplica Portuguesa, começou na passada sexta-feira. A jovem afirma que o concurso lhe permite adquirir muitos conhecimentos do mundo da moda. 
Rita Fraga promete dar o seu melhor e espera não desiludir aqueles que a apoiam. Apesar de não querer elevar demasiado as expectativas, a concorrente admite que a participação nas duas últimas edições do Miss República, lhe pode trazer uma vantagem, em relação às outras finalistas. Já possuo alguns conhecimento deste concurso pois já concorri mais vezes, Tudo aquilo que uma miss é, eu sei. 
Todo o conhecimento que uma miss internacional precisa de ter eu tenho…Se calhar por isso é que fui escolhida”, considera. 
A final do concurso de beleza é no próximo dia 6 de Setembro. 
Rita Fraga está em entrevista no 5 Perguntas de hoje, depois do noticiário das 17 horas na Rádio Brigantia e que pode ler na edição desta semana do Jornal Nordeste. 

Escrito por Brigantia

Verdes pedem ao governo relatório sobre inspecção na barragem do Tua

O Partido Ecologista "Os Verdes" entregou um requerimento na Assembleia da República a solicitar o relatório da inspeção que está a ser levada a cabo pela Direção Geral do Ambiente na barragem de Foz Tua. Na altura em que passaram sete anos após o último acidente mortal na Linha do Tua, Os Verdes reiteram a suspensão da barragem .
A dirigente do partido, Manuela Cunha salienta que com este requerimento querem que o governo entregue um relatório que mostre se estão a ser cumpridas as normas definidas na Declaração de Impacte ambiental, (DIA). 
A dirigente dos Verdes acusa o governo de usar como argumento para não parar as obras da barragem o facto de ter de indemnizar a EDP em milhões de euros, afirmando que as obras já podiam ter parado sem qualquer indeminização uma vez que esta empresa não cumpriu as obrigações contratuais previstas na DIA. 
Manuela Cunha acusa ainda o governo de ter andado “cego” nos últimos anos e estranha que só agora averigue essa situação. Dos incumprimentos da DIA, os Verdes destacam a questão da mobilidade, das linhas de Alta Tensão e os impactos sobre o Alto Douro Vinhateiro, Património da Humanidade. 
A barragem do Tua começou a ser construída em 2011 e tem sido alvo de controvérsia devido à desactivação da linha ferroviária do Tua e aos alegados incumprimentos do que estava previsto na Declaração de Impacte Ambiental. Nas obras da barragem morreram até ao momento quatro operários. Já antes da desactivação da linha do Tua morreram outras quatro pessoas na sequência de dois acidentes de comboio. 
Os verdes consideram que estes acidentes “serviram de pretexto” para o governo, na altura do PS, encerrar a linha ferroviária e dar o aval definitivo à barragem. 
O partido considera ainda que estas mortes deixam uma “marca de luto indelével” sobre o vale do Tua, símbolo até então da “vida luxuriante, pela biodiversidade que o caracteriza e pela vida que a linha ferroviária proporcionava à região”. 

Escrito por Brigantia

Homem condenado a 14 anos de prisão por abuso sexual

Um ex-funcionário da EDP de Bragança foi condenado a 14 anos de prisão por 70 crimes de abuso sexual.

A vítima era uma criança de 10 anos, filha da namorada.

De acordo com o Jornal de Notícias a criança terá desenvolvido uma relação de proximidade com o então companheiro da mãe, chegando a tratá-lo como “pai”.

A relação amorosa terá terminado em 2008, mas a ligação entre a menina e o homem manteve-se, sendo frequente que a criança passasse fins-de-semana em casa do ex-namorado da mãe.

O tribunal deu como provado os 70 crimes de abuso sexual, tendo condenado o homem a 14 anos de prisão.

Escrito por ONDA LIVRE

Cortes nos politécnicos preocupam Sobrinho Teixeira

O presidente do Instituto Politécnico de Bragança está preocupado com os cortes anunciados para o ensino superior.

Os politécnicos vão contar com menos 4 milhões de euros para 2015. Sobrinho Teixeira teme que a redução no financiamento diminua a qualidade e oferta formativa na instituição de ensino superior.

O presidente do IPB defende que os estabelecimentos de ensino não devem ser alheios à necessidade de rigor orçamental, mas considera que os esforços exigidos já atingiram o seu limite.

Sobrinho Teixeira acredita que é através da educação que se pode aumentar a produtividade e que Portugal está contrariar a tendência europeia de aposta na educação.

O valor do corte ainda não está definido, mas de acordo com o responsável está previsto que o orçamento dos politécnicos seja reduzido em 1,75%.

Informação CIR

Associação Amendoeira Viva vai inaugurar a sua sede

No próximo domingo, dia 31, às 15h, a Associação Amendoeira Viva vai inaugurar o espaço onde funcionará a sua sede, na rua Padre José Alves, na Amendoeira.
Localizado no rés do chão de um edifício da Junta de Freguesia, cedido à Associação Amendoeira Viva pelo período de 10 anos, este novo espaço assume particular relevância pelo papel que assumirá no futuro da associação, na aproximação dos sócios da aldeia e na realização dos eventos promovidos nesta freguesia integrante da malha urbana da cidade de Macedo de Cavaleiros.

terça-feira, 26 de agosto de 2014

Presidente de Mascarenhas pediu renúncia do mandato há mais de um mês mas ainda nada foi decidido

A polémica está instalada na Freguesia de Mascarenhas. Há mais de um mês que o presidente daquela Junta do concelho de Mirandela escreveu uma carta ao presidente da Assembleia de Freguesia a pedir a renúncia do seu mandato, mas até agora ainda nada foi decidido.
Ao que parece incompatibilidades irreversíveis entre os presidentes dos dois órgãos autárquicos levaram a este pedido de renúncia de José Mário Mesquita, eleito nas listas do PSD, nas autárquicas de 2013. Uma situação de impasse em Mascarenhas. O presidente da Junta já pediu a renúncia do mandato, há mais de um mês, mas nada foi decidido. 
Entretanto, apuramos que está agendada uma reunião da Assembleia de Freguesia para o dia 5 de Setembro com a intenção de resolver este imbróglio. Apesar de se recusarem a prestar declarações sobre o caso, quer o presidente da junta, José Mário Mesquita, quer o presidente da Assembleia de Freguesia, Luís Amendoeira, ambos eleitos nas listas do PSD, confirmaram o pedido de renúncia do autarca. 
Ao que apuramos, uma divergência de opiniões entre os dois, relativamente a um processo administrativo daquela freguesia, acabou mesmo em agressões verbais. 
Perante isto, no passado dia 10 de Julho, o presidente da Junta, José Mário Mesquita, escreveu ao presidente da Assembleia de Freguesia, referindo que, depois daquele episódio, não estavam reunidas as condições mínimas à sua continuidade como presidente da junta de Freguesia de Mascarenhas, solicitando a renúncia do seu mandato. 
Mais de um mês depois, o presidente da Assembleia de Freguesia ainda não tomou qualquer decisão e a junta está numa espécie de gestão corrente sem poder tomar decisões estruturantes para a freguesia com claro prejuízo para os 550 habitantes. Segundo a Lei, as vagas ocorridas nos órgãos autárquicos são preenchidas pelo cidadão imediatamente a seguir na ordem da respectiva lista esgotada, em definitivo, a possibilidade de preenchimento da vaga de presidente, cabe à câmara municipal, após a comunicação do facto pelo presidente da assembleia de freguesia, proceder à marcação de novas eleições para a assembleia de freguesia, no prazo de 30 dias. 

Escrito por Terra Quente (CIR)

Festa de Santo Antão estreia novo santuário deslocado pela barragem do Sabor

Os devotos de Santo Antão da Barca, em Alfândega da Fé, no Nordeste Transmontano, vão estrear no primeiro fim de semana de setembro um novo santuário, deslocado pela barragem do Baixo Sabor num processo único em Portugal.

Desde 2011 que a tradicional festa e romaria anual foi desviada das margens do rio Sabor para a aldeia de Parada, devido às obras de transferência do santuário, que ficará submerso pela albufeira da barragem do Sabor, para um local mais alto, a cerca de um quilómetro do sítio onde foi edificado há três séculos.

O processo envolveu a trasladação pedra por pedra da capela do Santo Antão e a construção de infraestruturas idênticas às antigas e novos equipamentos que os devotos vão ficar a conhecer a 06 de setembro.

O novo santuário vai acolher a festa tradicional que este ano tem o programa adicional da inauguração do novo espaço, que ainda não está completo, mas tem já condições para a realização da romaria, como disse hoje à Lusa a presidente da Câmara de Alfândega da Fé, Berta Nunes.

De acordo com a autarca, na capela faltarão ainda os frescos descobertos nos trabalhos de trasladação e que estão a ser recuperados.

Este conjunto vai integrar a rota turística cultural que a Câmara Municipal quer desenvolver no concelho, a rota "Pinturas da Fé", um projeto que vai permitir visitar as pinturas murais a fresco e outras técnicas de decoração murária em várias freguesias.

Para concluir o novo santuário do Santo Antão faltará ainda também a construção da praia fluvial que existia no antigo santuário e que, segundo a autarca, faz parte dos compromissos da EDP.

A presidente da Câmara adiantou que o novo santuário dispõe, além dos espaços religiosos, de um restaurante, alojamento local, um pequeno museu, e das memórias do local de culto e do rio que o envolve.

A autarca acredita que o novo espaço será uma oportunidade para o turismo religioso, da natureza e náutico nesta zona do Nordeste Transmontano.

Ainda assim, a inauguração será feita com "o problema do acesso ao santuário, que não é funcional" e que foi feito pela Ascendi, a concessionária do IC5, uma das novas estradas transmontanas que atravessa o concelho de Alfândega da Fé.

"Nós nunca concordámos com aquele acesso, mas eles foram-se embora e não resolveram o problema que estamos agora a tratar com a EDP e a Estradas de Portugal", explicou.

O novo santuário será benzido no dia 06 de setembro pelo bispo da Diocese de Bragança-Miranda, José Cordeiro, e fica no cimo de uma colina, no local conhecido como sítio do Rebentão.

"Replica a mesma relação com a água e a mesma orientação espacial, embora a uma cota mais elevada", de acordo com os responsáveis.

Desde que foi suspensa a barragem do Côa, na década de 1990 e apresentada como alternativa a do Sabor que os devotos do santo Antão da Barca se viram confrontados com o dilema de a albufeira "afogar" o santuário da sua devoção.

Necessitavam da barragem, mas não queriam desagradar ao santo, pelo que propuseram que o santuário fosse transferido para outro local, o que a EDP aceitou.

A transferência está quase concluída, assim como a barragem do Sabor, no concelho vizinho de Torre de Moncorvo, cuja albufeira deverá começar a encher definitivamente em breve.

HFI // JGJ
Lusa/fim

Mais de 100 operacionais enfrentam as chamas em Mogadouro

Mais de uma centena de bombeiros combatem as chamas no concelho de Mogadouro.

O incêndio, que terá tido o ponto de ignição numa zona de mato perto da freguesia de Paradela, hoje, por volta das 15 horas, mobiliza já 35 viaturas.

Segundo a Proteção Civil, além dos 140 operacionais, no terreno estão também meios aéreos que ajudam no combate às chamas.

No teatro de operações estão dois aviões bombardeiros, um helicóptero de ataque inicial e uma máquina de rasto da Câmara Municipal de Mogadouro.

O incêndio que deflagrou esta tarde  está a consumir mato e há alguma preocupação com pequenas explorações agrícolas.

O vento que se faz sentir no local está a complicar a atuação dos operacionais e lavra em duas frentes ativas.

foto Miguel Cabral (TVI)

Informação ONDA LIVRE

Holanda, Portugal e Espanha participaram no 1.º Torneio Internacional de Voleibol de Sub 21.

A exposição conta a história de vida da artista que nasceu em Trás-os-Montes

Argozelo recorda a profissão com mais tradição na vila

Ontem em Argozelo recordaram-se os tempos em que ser peleiro era a actividade dominante na vila. Para reavivar as tradições dos tempos de pais e avós, os habitantes do bairro de baixo reuniram-se num dia de festa.
Domingos Ferreira, da organização, explica que ser peleiro era uma tradição deste bairro da vila. “È uma tradição do nosso bairro. Os peleiros eram originários daqui”, salienta. O ponto alto da festa foi a exibição do filme documental sobre os habitantes de Argozelo, gravado na década de 70 quando o negócio dos peleiros atravessava a sua melhor fase. 
Ao longo do dia realizaram-se jogos tradicionais e um almoço convívio. A tradição ligada aos curtumes foi recordada ainda numa peça de teatro. 
Francisco Pimentel foi um desses peleiros. Recorda os tempos em que percorria o nordeste transmontano a vender pele. “Comprava peles e ia para todo o lado, para a Lombada, para Mogadouro, Miranda… Era assim o negócio”, conta. 
Hoje poucos se dedicam à transacção das peles, mas sem se aventurar no demorado e trabalhoso processo de tratamento. Trata-se apenas de um complemento ao pouco trabalho e uma forma de manter viva aquela que foi uma das principais fontes de rendimento na então aldeia, agora vila. 
Os curtumes vão continuar a ser recordados uma vez por ano no bairro de baixo de Argozelo. 

Escrito por Brigantia

Vice-presidente da CCDRN defende que as feiras devem ser feitas junto do seu público-alvo

As feiras de produtos locais devem ser exportadas para onde está o grande público. Uma ideia que tem vindo a ganhar  cada  vez mais adeptos e e que foi este fim-de-semana defendida pelo vice-presidente da Comissão de Coordenação e Desenvolvimento Regional do Norte na última edição da Terra Flor, em Vila Flor.
O responsável apontou como exemplo a seguir a Feira da Alheira de Mirandela, que teve uma edição caseira e outra fora de portas, no Porto. “Sou defensor do modelo semelhante ao da Feira da alheira em Mirandela em que faz a festa na sua terra mas vai ao Porto apresentar os seus produtos. Num fim-de-semana no Porto conseguem facturar o que em Mirandela precisam de meses”, salienta. 
O vice-presidente da CCDR realça a necessidade de haver uma união entre os diferentes concelhos. E lembra que os apoios do próximo quadro comunitário, que vão aumentar em 600 milhões de euros para a região norte, serão direccionados para projectos de cooperação entre municípios. 
Declarações do vice-presidente da CCDR Norte à margem da XI edição Terra Flor que decorreu este fim-de-semana em Vila Flor. 

Escrito por Brigantia

850 mil euros para garantir qualidade da água em Alfandega da Fé

A Câmara Municipal de Alfândega da Fé precisa de investir cerca de 850 mil euros para garantir a qualidade da água  em cinco freguesias.

Em causa está a qualidade da água das localidades de Ferradosa, Picões, Gouveia e Cabreira que tem ferro e arsénio e Vilarelhos que é abastecida por um furo.

A presidente da Câmara Municipal de Alfândega da Fé, Berta Nunes, garante que o problema tem vindo a ser resolvido mas para o solucionar definitivamente terá de ser feita uma ligação à barragem de Sambade, que abastece grande parte do concelho e que tem água tratada. Para isso a autarca quer candidatar o investimento ao próximo quadro comunitário.

Caso a gestão da água e saneamento de Alfândega da Fé seja entregue à empresa Águas de Portugal como está a ser equacionado, este investimento pode ser assumido por esta empresa.

A questão do abastecimento de água em Alfândega da Fé, nomeadamente, a possível verticalização do serviço de água e saneamento para a empresa Águas de Portugal será um assunto discutido na próxima Assembleia Municipal.

Informação CIR

Jovens trocam as férias em prol do Burro Mirandês

Em Atenor, no concelho de Miranda do Douro, um grupo de voluntários trocou aquilo que poderiam ser umas férias descansadas por trabalho pesado.

11 jovens carregam pedra e levantam um muro que vai sustentar o terreno e demarcar o campo do Centro de Valorização do Burro de Miranda, que está a ser alargado.

Este campo de trabalho voluntário recebe jovens portugueses como estrangeiros. Teresa Nóvoa, da Associação para o Estudo e Protecção do Gado Asinino considera que em Portugal ainda há falta de voluntários.

Também Domingos Barreira, um dos voluntários portugueses que vem de Macedo de Cavaleiros, acredita que o espírito de entreajuda, que sempre existiu nas aldeias, tem vindo a desaparecer:

Actualmente acolhe cerca de 60 animais desta raça em vias de extinção, que são visitados por mais de 1500 pessoas por ano.

A AEPGA tem desenvolvido um trabalho na área da preservação do burro mirandês. A associação gostaria de poder alargar o seu âmbito de actuação à asinoterapia.

Apesar da acção, que tem assegurado a reprodução dos burros mirandeses, com 80 nascimentos no ano passado, estes animais estão ainda em perigo de extinção.

Informação CIR

segunda-feira, 25 de agosto de 2014

Bragança 2014

TRANSMONTANOS CONTRA AUMENTO DO IVA