segunda-feira, 31 de agosto de 2015

Decisão sobre exploração de Minas de Moncorvo revelada a 9 de Novembro

O Ministro do Ambiente, Jorge Moreira da Silva, anunciou que a 9 de Novembro será conhecida a decisão em relação à reabertura das minas de ferro de Torre de Moncorvo. É o prazo limite para se saber se a MTI vai poder explorar o minério das cinco jazidas.
O ministro está confiante que não haverá impedimento de ordem ambiental para a prossecução do empreendimento.
“O prazo limite para a avaliação de estudo de impacte ambiental é de 9 de Novembro. Eu tenho a expectativa de que se tenha encontrado uma solução que permita uma solução que permita compatibilizar a exploração destes recursos geológicos, e, ao mesmo tempo, ter um projecto amigo do ambiente e da conservação da natureza. 
Declarações do ministro com a tutela do ambiente, energia e ordenamento do território, durante a assinatura de um protocolo para a abertura de um curso superior técnico de prospecção mineral. 
O membro do governo elogiou a iniciativa mesmo antes do arranque do projecto. “Não se deve esperar pelo início da exploração em Torre de Moncorvo, para que empresas, Município e organizações da área do conhecimento comecem a pensar na formação de recursos humanos. Estas organizações tiveram uma visão importante”, refere Jorge Moreira da Silva. 
Sexta-feira, foi ainda assinado em Torre de Moncorvo um protocolo entre o IPB e empresas de extracção para a criação de estágios aos alunos deste curso. 

Escrito por Brigantia

Sem comentários: