segunda-feira, 24 de agosto de 2015

Freguesia da Amendoeira tem história contada em livro

Ontem, foi apresentado um livro especialmente elaborado para relatar a história e a cronologia da aldeia da Amendoeira, no concelho de Macedo de Cavaleiros.

A ideia partiu de Hermano Santos, e foi materializada em conjunto com a Associação Amendoeira Viva. “Amendoeira – subsídios para a sua história”, o livro, é assinado por Antero Neto, investigador e etnógrafo, um dos nomes mais altos neste momento na área na região. Ele que nos conta até onde foi possível recuar.

No livro participaram ainda Luís Serra e Manuel Cardoso, ambos com raízes na aldeia. O primeiro fala do avô, Manuel Serra; já o segundo recua ao século XVIII, a um antepassado mais distante, o Padre Manuel Caetano Pinto Morais, estudante em Salamanca e regressado depois à terra.

António Gonçalves é presidente da Associação. Antes da entrevista contava que o livro não foi pensado para dar lucro, mas sim para não deixar perder a história da aldeia, que, afinal, tem já muitos anos para trás. Já na conversa gravada, António explica outro porquê do interesse de desenvolver atividades deste género.

A história a levar deste dia, é, pois, que a história, que já é longa, é para preservar, como acrescenta Humberto Trovisco, presidente da Junta de Freguesia.

“Amendoeira – subsídios para a sua história”, foi ontem apresentado, com a presença do autor, Antero Neto, que, desta vez, se debruçou sobre o concelho macedense. Contribuíram também Luís Serra e Manuel Cardoso, para contar um passado às gentes do presente, certamente, a pensar num futuro.

Escrito por ONDA LIVRE

Sem comentários: