terça-feira, 24 de maio de 2016

Diagnóstico das empresas de Trás-os-Montes vai ser apresentado em Bragança na próxima sexta-feira

Como estão as empresas transmontanas? Um primeiro diagnóstico da situação do tecido empresarial da região será apresentado no próximo dia 27 de maio, em Bragança, no fórum "Empreendedorismo e Coesão Territorial".
A iniciativa, organizada pela associação empresarial do distrito de Bragança (Nerba), vai apresentar um quadro geral com as estatísticas referentes ao estado atual das empresas transmontanas e, ao mesmo tempo, promoverá um debate sobre os apoios e execução de fundos comunitários. 

Este fórum resulta do projeto colaborativo que integra nove entidades regionais que há dois anos assinaram um documento comum para a criação de um plano de desenvolvimento regional. A Carta de Compromissos, assim se chama este documento, reúne num mesmo propósito o Instituto Politécnico de Bragança (IPB), o Nerba, o Nervir (associação empresarial de Vila Real), a Associação Empresarial do Alto Tâmega (ACISAT), a Universidade de Trás-os-Montes (UTAD), a Escola Superior de Tecnologia e Gestão de Lamego, e as três comunidades intermunicipais (CIM) da região: Terra de Trás-os-Montes, Alto Tâmega e Douro. 

Quais as empresas com mais sucesso e quais as mais debilitadas da região? A esta e muitas outras questões serão dadas respostas no próximo dia 27 de maio, no âmbito do fórum "Empreendedorismo e Coesão Territorial", agendado para o primeiro dia da Expo Trás-os-Montes, uma iniciativa organizada pela associação empresarial Nerba, que decorrerá no próximo fim de semana em Bragança e que deverá contar com a presença do Ministro da Economia, Manuel Caldeira Cabral. 

Sem comentários: