sexta-feira, 3 de fevereiro de 2017

Nova derrocada obrigou ao corte da Estrada Nacional 218 esta manhã

Uma nova derrocada cortou esta manhã o trânsito na Estrada Nacional 218 entre a cidade de Miranda do Douro e Espanha. Esta é já uma situação frequente naquele troço.
De acordo com o comandante dos Bombeiros voluntários de Miranda do Douro, Luís Martins, a derrocada aconteceu cerca das 6h30 da manhã.
O trânsito esteve interrompido por mais de 2 horas, tendo entretanto a estrada sido reaberta depois da limpeza levada a cabo pela protecção civil municipal e bombeiros.

“Por volta das 6h30/ 7h da manhã, houve uma nova derrocada ao quilómetro 2 e a GNR achou por bem interromper a via até às 9h30 da manhã. Os detritos foram retirados e foi dado conhecimento à Infraestruturas de Portugal”, adiantou.

Esta é uma situação que se repete a cada Inverno e em condições de chuva mais abundante.

O comandante dos bombeiros refere que apesar de não ter sido atingida nenhuma viatura, “a situação é preocupante” e aconselha “prudência” a quem circula na via:

 O presidente do município de Miranda Artur Nunes questionou novamente a Infraestruturas de Portugal que garantiu que a estrada será intervencionada de forma urgente. “O que nos foi dito é que, depois do concurso que saiu no ano passado, vai ser adjudicada a obra de 2,7 milhões de euros ainda este mês de Fevereiro. Por outro lado, mais uma vez se nota a grande necessidade da ligação do IC5 a Espanha, porque tivemos uma grande quantidade de camiões parados na fronteira, já que a estrada estava cortada”, frisou.  

Na mesma via, a cerca de 1 quilómetro do local onde agora se deu a derrocada a circulação faz-se apenas numa das faixas de rodagem, desde há cerca de dois anos, quando uma rocha de grandes dimensões caiu obstruindo a via. 

Escrito por Brigantia
Olga Telo Cordeiro

Sem comentários: