sexta-feira, 24 de março de 2017

O II seminário de intercâmbio de experiências no âmbito da educação do eixo atlântico realizou-se em Bragança

A partilha de experiências transfronteiriças continua a ser uma aposta forte dos municípios do eixo-atlântico, que envolve 34 vilas e cidades dos dois lados da fronteira. Uma das áreas mais fomentadas nestes intercâmbios é a educação e a cidadania ensinada aos mais pequenos.
Ontem realizou-se em Bragança o II seminário de intercâmbio de experiências no âmbito da educação do eixo atlântico, onde se discutiram métodos educativos e se apresentaram projectos com vista a criar uma maior interacção entre as crianças e a sociedade, bem como a promoção de hábitos de vida saudáveis.
Manuel Dios Díz, coordenador de educação do eixo-atlântico, esteve presente e falou sobre a importância de promover estas acções de partilha. “O importante é que as câmaras tanto de Portugal como da Galiza façam um intercâmbio de experiências nos departamentos de educação”, salientou.
O responsável pelo departamento de educação do eixo-atlântico falou ainda de um “projecto de partilha de culturas proporcionando às crianças dos dois lados da fronteira intercâmbios entre as várias localidades dos dois países”.
A importância da multiculturalidade e a riqueza que essa diversidade de formas de ver o mundo traz para as crianças vai continuar a ser a aposta do eixo – atlântico nas próximas actividades organizadas. 

Escrito por Brigantia

Sem comentários: