terça-feira, 28 de março de 2017

População de Podence esclarecida sobre a candidatura à UNESCO

Participação em massa da população de Podence na sessão de esclarecimento sobre a candidatura a Património Cultural Imaterial da Humanidade da festa de Carnaval dos Caretos, que decorreu na Junta de Freguesia da localidade.
É um dos passos impostos pelo processo, e no final era motivo de conversa entre os habitantes.

“Para que a festa não deixe de pertencer à população de Podence. Foi a pensar nisso mesmo, ao ouvir as pessoas em entrevistas, em gravações de vídeo, quisemos propor como medida de salvaguarda um arquivo digital de histórias e memórias do Carnaval de Podence. Cada uma destas pessoas que vive em Podence, e que ao longo da sua vida foi tendo um papel diferente na festa, tem as suas histórias para contar. E vai contando, aos jornalistas, aos investigadores… mas depois não tem a possibilidade de ver e ler esses trabalhos.”
Ora, para que não te perca a identidade já há medidas pensadas. Patrícia Cordeiro, a responsável técnica desta candidatura, explica o que está planeado para que a festa do Carnaval dos Caretos não deixe de ser das pessoas locais.

E estas não são as únicas medidas de salvaguarda.

“Um investimento na Casa do Careto. Tornar este museu numa referência nacional, com conteúdos digitais, e um discurso positivo mais moderno. E que esteja mais adequado às solicitações da sociedade contemporânea. Ou seja, adaptar também aos visitantes estrangeiros, às excursões escolares… E depois destacaria ainda a confeção das mantas em tear. As pessoas falaram muito, ao longo do processo de inventariação, da dificuldade que é hoje em dia fazer um fato típico de Podence. Porque deixaram de se fazer. Vão-se comprando mantas com padrões parecidos, mas não é a mesma coisa.

Então, gostaríamos muito de trabalhar na recuperação esta confeção, eventualmente construir oficinas com teares, onde além de se mostrar o processo, ter a oportunidade de ter mantas típicas.”
O formulário para este reconhecimento tem de ser entregue até ao final do mês. O resultado só será divulgado. Até lá, a população da aldeia, e toda em geral, foi convidada a assinar uma declaração de apoio a esta candidatura, que pode ser feita ainda de modo personalizado.

Escrito por ONDA LIVRE

Sem comentários: