sexta-feira, 5 de maio de 2017

Macedo de Cavaleiros vai acolher a II Feira da Agricultura de Trás-os-Montes

A II edição da Feira da Agricultura de Trás-os-Montes está de regresso a Macedo de Cavaleiros de 19 a 21 deste mês.
A mostra que passou a ser feira tem este ano como novidade maior o investimento na formação dos agricultores, com workshops, demonstrações e um colóquio, avançou Carlos Barroso, vice-presidente da autarquia.

“As novidades neste certame são, acima de tudo, ao nível da transferência de conhecimentos para os nossos agricultores, o que é muito importante.

Este ano, apostamos muito nos pequenos workshops no interior da feira, e nas demonstrações. E também apostamos muito num colóquio que vai existir no domingo de manhã, em que teremos a apresentação de boas práticas e dinâmicas de gente de sucesso na actividade”, adiantou.

Carlos Barroso, nesta antevisão, cita dados do Instituto Nacional de Estatística (INE) para referir um aumento de 6 milhões nas exportações no concelho, que acredita estarem ligados ao sector primário.

“Posso dizer um dado, no concelho de Macedo de Cavaleiros, em 2013, exportávamos 2,5 milhões de euros. Em 2016, dados do INE, exportamos 8,6 milhões. Grande parte do acréscimo de exportações deve-se à agricultura. À castanha, ao mel, à produção de carne de excelência, que criaram dinâmicas que hoje fazem com que se desse um incremento que é de louvar. É uma revolução silenciosa”, sublinha.

Mantêm-se os concursos de raças autóctones e a bênção de máquinas agrícolas, no domingo do certame, que são já habituais. 

Escrito por Rádio Onda Livre (CIR)

Sem comentários: