sexta-feira, 2 de junho de 2017

Ascendi lança campanha de sensibilização para a preservação da fauna autóctone transmontana

A concessionária do IC5 lançou uma campanha de sensibilização para pedir que os automobilistas não atropelem os animais. “Quando vir um animal na estrada, deixe-o seguir a sua vida” e “Não atropele os animais, precisamos deles no campo” são as mensagens que a Ascendi colocou em Outdoors distribuídos nos concelhos de Mogadouro e Alfândega da Fé.
Segundo Luís Trabuco, responsável do serviço de qualidade, ambiente e segurança da Ascendi, a atenção da campanha está virada para os animais domésticos mas também para ratos, cobras e sapos.

“O mais comum é lidarmos como os cães, os gatos e as raposas, e depois todos aqueles que não conseguimos ver como os pequenos roedores, as cobras e alguns sapos. Quando são atropelados promovem também o atropelamento de aves de rapina que pode tentar aproveitar esse cadáver e pode também ser atropelado ”,

O objectivo da campanha é sensibilizar para a importância do papel que estes animais têm para o ecossistema.

“Verificamos que poderíamos intervir fazendo chegar os conhecimentos que já temos dos trabalhos que fomos executando na via fazê-los chegar à população local, com o objectivo de preservar o ecossistema”, explicou o responsável.

O baixo tráfego registado na via que através da A4 faz a ligação de Miranda do Douro ao litoral, e que ronda os mil veículos por dia, é uma das razões para os animais se aproximarem mais frequentemente da via nesta zona.

Para além da utilização de outdoors, a Ascendi está também a sensibilizar a população para esta questão, nomeadamente os mais novos, através da apresentação de uma peça de teatro. 

Escrito por Brigantia

Sem comentários: