sábado, 11 de agosto de 2018

TRÁS-OS MONTES, MONTES DE SONHOS

Por: Maria da Conceição Marques
(colaboradora do "Memórias...e outras coisas..."
No sereno da terra…
Num cantinho dos céus…
vivem os transmontanos
Semeando sonhos
Colhendo trabalhos…
Pastando rebanhos!
Em planaltos e montes
De portas abertas
De olhos despertos…
Doces desenganos!
No seio dos montes…
Com janelas de vento
Nos frescos ribeiros
Na alvura da neve
Nas bicas e fontes!
de olhos contentes 
Rasgam canteiros!
Com dedos calosos 
Em bailes gaiteiros
Somos Transmontanos…
Portugueses raianos!
No relento da noite
Na geada que cai
no solo bravio 
Onde as mãos endurecem
As terras se ajeitam
Onde os ossos aquecem
Onde os sonhos esmorecem!
E a vida acontece…
A água salgada do suor dos seus rostos
Escorre livremente
Na derrota e vitória
Na encosta dos montes 
E quando à noitinha…
Se apaga a candeia…
Fumega quentinha a malga da sopa
Na mesa bem cheia
Com aroma de amor 
Na fruta o sabor 
Castanha e maçã 
Ser transmontano é bênção de Deus
Dádiva do céu
Jardim florido
De alecrim e arçã
As nossas raízes que gritam no peito
Só nós transmontanos, sabemos o jeito
De amar a preceito.
Com capacidade,
Semear caridade…
Cultivar amizade…
Colher Irmandade… 
Ser transmontano é ter coração
É ver um mendigo sempre como irmão.

Maria da Conceição Marques, natural e residente em Bragança.
Desde cedo comecei a escrever, mas o lugar de esposa e mãe ocupou a minha vida.
Os meus manuscritos ao longo de muitos anos, foram-se perdendo no tempo, entre várias circunstâncias da vida e algumas mudanças de habitação.


Participei nas colectâneas:
POEMA-ME
POETAS DE HOJE
SONS DE POETAS
A LAGOA E A POESIA
A LAGOA O MAR E EU
PALAVRAS DE VELUDO
APENAS SAUDADE
UM GRITO À POBREZA
CONTAS-ME UMA HISTÓRIA
RETRATO DE MIM.
ECLÉTICA I
ECLÉTICA II
5 SENTIDOS
REUNIR ESCRITAS É POSSÍVEL – Projecto da Academia de Letras Infanto-Juvenil de São Bento do Sul, Estado de Santa Catarina
Livros editados:
-O ROSEIRAL DOS SENTIDOS
-SUSPIROS LUNARES
-DELÍRIOS DE UMA PAIXÃO
-ENTRE CÉU E O MAR
-UMA ETERNA MARGARIDA

Sem comentários: