terça-feira, 18 de abril de 2017

Padre recusou-se a fazer procissão do Enterro do Senhor em Moncorvo

A procissão de Sexta-feira Santa, em Moncorvo, aconteceu mas o padre não acompanhou o cortejo religioso.
O pároco decidiu não participar na procissão uma vez que não concordou com a estrutura e organização da mesma.
Uma decisão de última hora que ninguém entendeu, como contou à Brigantia o provedor da Santa Casa da Misericórdia de Moncorvo, Fernando Manuel Gil, que organizou a cerimónia
“O senhor padre disse que só faria a procissão se a banda fosse à frente dos andores, mas eu disse que não, que a banda ia atrás porque não é tradição, nem tem lógica nenhuma, os andores acompanharem a banda o que tem lógica,sim, é a banda ir atrás a acompanhar os andores”, explicou.
A organização das celebrações religiosas da Semana Santa fica a cargo da Santa casa da misericórdia que reuniu com todas as entidades que colaboraram nas actividades. Uma reunião na qual o pároco não esteve presente. “O senhor padre não apareceu na procissão para fazer a procissão, de sexta-feira, a procissão saiu na mesma mas ele fechou a porta da igreja.”
Como não chegaram a acordo, o padre decidiu que não acompanhava a procissão marcada para as 17:00h, que apesar de sair com um atraso de 15 minutos acabou por se realizar de qualquer forma. Um episódio que Fernando Manuel Gil  lamentou, uma vez que o padre além de se recusar a participar na procissão também fechou as portas da igreja quando o cortejo passou. A Brigantia tentou chegar à fala com o pároco, para ouvir a sua versão, mas até ao momento não foi possível. 

Escrito por Brigantia

Sem comentários: