quarta-feira, 24 de maio de 2017

Marcas de sangue e vandalismo na catedral de Bragança

A catedral de Bragança foi assaltada, na noite de segunda para terça.
Ao que tudo indica, terão entrado através de um pequeno vitral que partiram e com uma corda desceram pelo painel do baptistério. Os intrusos ter-se-ão cortado no vidro partido, uma vez que há vestígios de sangue por toda a catedral inclusive junto à parede onde fica o vitral que foi destruído.
Destruíram também um lampadário de onde levaram todas as moedas, e as duas caixas das esmolas que se situam na entrada principal. Quando furtaram todo o dinheiro que encontraram terão saído por uma porta lateral.
A Brigantia entrou em contacto com o Padre Sobrinho Alves, responsável pela catedral que confirmou a presença de intrusos, o vandalismo e o desaparecimento de dinheiro, mas não quis prestar declarações sobre o método de entrada, nem fez uma estimativa dos prejuízos.
Entretanto contactámos a PSP, que esteve ontem no local a recolher provas, mas ainda não foi possível obter esclarecimentos oficiais. 

Escrito por Brigantia

Sem comentários: