sexta-feira, 2 de junho de 2017

Festa da Cereja de Alfândega da Fé

Uma explosão de sabor num bombom de ” foie-gras” recheado com Cereja de Alfândega da Fé deu o mote para a apresentação da edição deste ano da Festa da Cereja, que acontece de 9 a 11 de junho neste concelho transmontano. A criação é do Chef Marco Gomes.
Natural de Alfândega da Fé conhece como poucos as qualidades e potencialidades gastronómicas dos produtos da terra que o viu nascer e associou-se ao esforço da Câmara Municipal no sentido de as promover e valorizar. Este é também um dos principais objetivos da Festa da Cereja. A iniciativa faz da cereja elemento para a promoção e valorização de outros produtos locais, assumindo-se como espaço de mostra da cultura e identidade deste território. 

A apresentação da edição deste ano aconteceu no Restaurante Oficina, no Porto, propriedade do reconhecido Chef. Um almoço temático, onde foram apresentadas várias propostas à base de cereja. Após a entrada fria: bombom de “foie-gras” recheados com cereja de Alfândega da Fé ao natural, seguiu-se um pato confitado em carpaccio de cerejas de Alfândega da Fé e batata-doce. O prato principal incluiu tornedó de novilho com tarte de batata, legumes salteados e molho de cerejas de Alfândega da Fé. A pré-sobremesa trouxe cerejas maceradas em especiarias com espuma de coco e raspas de chocolate.

Para sobremesa veio à mesa uma tarte de cereja de Alfândega da Fé, com gelado da mesma. Algumas destas propostas vão agora ser integradas na carta do restaurante e podem também ser degustadas durante a Festa da Cereja de Alfândega da Fé. É que o Chef Marco Gomes vai ser o responsável por um Showcooking durante o certame. A iniciativa acontece no domingo-11 de junho- e para além do bombom, do gelado e da tarte haverá outras variações gastronómicas com cereja para experimentar.


Uma forma de estimular e incentivar a aposta nos produtos da terra aliando tradição e inovação enquanto fatores de dinamização económica. O que é facto é que a Cereja tem vindo a assumir-se, ao longo dos anos, como fonte de inspiração para a criação de novos produtos alguns deles com caracter inovador. Para além das tradicionais compotas e licores é em Alfândega da Fé que é produzido o vinagre de cereja ou o salpicão de cereja. Novos produtos que acrescentam valor ao setor e que fazem também a história da Festa da Cereja. Quase a completar 40 anos, a iniciativa traz este ano muitas novidades.

Espaço Renovado
Uma das novidades deste ano é a criação de um espaço único com 2100 m2 de área coberta. Uma grande área destinada à mostra e venda de produtos locais e artesanato que inclui um palco permanente para espetáculos musicais e ainda uma área reservada às diversas atividades programadas para a Festa. Uma aposta forte da organização que introduz uma nova dinâmica ao certame. Este ano os visitantes poderão circular num espaço único que agrega expositores, momentos de animação, apresentação de livros e outras iniciativas. Quem passar pela Festa da Cereja poderá assim disfrutar de todos os momentos num só local. No recinto da feira os visitantes poderão ainda encontrar tasquinhas e restaurantes, em espaços de convívio dedicados à gastronomia.

Meia Maratona da Cereja
De regresso à Festa da Cereja está também o atletismo. A emblemática Meia Maratona da Cereja volta a ganhar destaque no certame. Surge com a vontade de reavivar o atletismo no concelho, sendo esta uma prova única no distrito de Bragança. No passado grandes nomes do atletismo nacional participaram na corrida ao Grande Prémio das Cerejas. Este ano, quem vier à Festa da Cereja para correr habilita-se a um prize money de 2800€. A prova realiza-se no dia 11 de junho e o circuito inclui a passagem pelos pomares de cereja, barragem da Esteveínha e zona histórica da vila de Alfândega da Fé. Associada a esta prova desportiva surge também a caminhada da cereja.

Tenda Mágica
A pensar nas famílias, a organização apresenta para esta edição uma novidade, a Tenda Mágica. Um espaço dedicado aos mais novos, com atividades lúdicas e muitas brincadeiras para que também as crianças se divirtam na Festa da Cereja. Enquanto os mais pequenos fazem pinturas faciais ou modelagem de balões, acompanhados pela equipa de animadores/as do município de Alfândega da Fé, os familiares podem visitar a exposição, fazer compras ou assistir aos concertos. Desta forma, miúdos e graúdos disfrutam ao máximo da Festa da Cereja.

Oficinas de Criatividade 
Nesta edição da Festa da Cereja os visitantes vão ser convidados a deixar a sua marca. Durante os 3 dias de certame vão decorrer as Oficinas de Criatividade, uma oportunidade para quem tem gosto pela expressão plástica e pela arte. É que no espaço de exposições vai estar montada uma tela gigante, em branco, para que os participantes possam deixar a sua impressão. Com o tema da cereja, estas Oficinas serão acompanhadas por artistas plásticos como António Franchini, Isabel Roxo e Fátima Leite que vão dar orientação aos participantes. O produto final será uma obra única, fruto da criatividade dos visitantes da Festa, que posteriormente será exposta em edifícios públicos do concelho.

Espetáculos Musicais
A grande atração da edição deste ano é João Pedro Pais. O cantor, com raízes no concelho, faz questão de regressar à Festa da Cereja no ano em que comemora 30 anos de carreira. Dia 10 junho este artista, que é já um embaixador de Alfândega da Fé, vai encher o palco principal com grandes êxitos nacionais. Um concerto a não perder. Mas os espetáculos musicais não se esgotam no cabeça de cartaz.

Dia 9 de junho sobem ao palco os Sons do Minho, numa atuação inédita que conta com a participação do grupo de concertinas de Sambade. Um grupo local que se destaca pela sua animação e colorido. Já o dia 11 é dedicado às sonoridades etnográficas de Portugal. A organização da Festa procurou valorizar a cultura e tradições nacionais promovendo um conjunto de espetáculos com grupos de todo o país, destacando nesta mostra, os grupos de cantares locais. Aliás, esta edição da Festa da Cereja privilegia os talentos da terra. Durante os 3 dias da Festa não vão faltar atuações e espetáculos, num encontro entre tradição, perseverança e orgulho.

 As noites também prometem grande animação. O programa inclui DJ’s de renome como The Fucking Bastards, Boccalino, Ruben Nave e o alfandeguense Dj Durval, com performances de Didgeriduo, Led Sensation, Les Freak Chic e Leds Wings Colours. Elementos que garantem a festa pela noite dentro.

Encontro de Pastores
No dia 10 de junho a Festa da Cereja promove um Encontro de Pastores que integra o III Concurso de Ovinos de Caprinos. O município de Alfândega da Fé aposta na valorização do território como fator de dinamização sócio económica. No concelho a criação de gado e pastorícia sempre foi uma atividade de grande impacto na economia local daí que haja uma aposta na divulgação e promoção destes elementos tão característicos do território. Este encontro inclui também uma mostra do Cão de Gado Transmontano, uma espécie autóctone da região conhecida pela sua fidelidade e imponência de porte.

in:noticiasdonordeste.pt

Sem comentários: