quarta-feira, 23 de maio de 2012

Vinhais no 1.º Aniversário da República - Livro de Roberto Afonso perpetua uma importante passagem da História


Vinhais recordou alguns fragmentos da sua história, num ciclo de conferências que teve lugar no dia 18 de Maio, na Casa da Música. 
A forte presença da comunidade marrana de Vinhais, no séc. XV, foi abordada por Fernanda Guimarães e por Júlio Andrade, a que se seguiu o Convento de Santa Clara, por António Mourinho, e as Memórias Paroquiais de 1758, por Carlos Prada de Oliveira. 
Este ciclo de conferências terminou com a apresentação do livro Vinhais no 1.º Aniversário da República: Primeira Incursão Monárquica (1911), da autoria do investigador e vereador permanente da Câmara Municipal de Vinhais, Roberto de Morais Afonso, com capa da autoria do artista Luis Canotilho, tratando-se, nas palavras do autor do prefácio, Francisco Moita Flores, de “…um documento interessante. 
Desde logo porque leva até à minúcia as operações desencadeadas pelas tropas do célebre capitão, as escaramuças travadas com forças republicanas, entregando, desta forma, um contributo sério para a história de Vinhais”.
O principal objectivo desta publicação, à venda nas livrarias Book.It de Bragança e Chaves, é perpetuar uma importante passagem da História de Portugal, que teve como palco a vila de Vinhais, “dando a conhecer aos mais novos e mais desatentos alguns factos ligados à sua terra e à sua história”, referiu Roberto Afonso. 
A apresentação da obra esteve a cargo do historiador Carlos Prada de Oliveira.


in:jornalnordeste.com

1 comentário:

José Pires disse...

Um abraço TRANSMONTANO